Scott Redding: Começar cedo o caminho até ao topo

Scott Redding é uma estrela em ascensão no circuito do MotoGP. Em termos de altura, o britânico nascido em Gloucester a 4 de Janeiro de 1993, já é um dos maiores do circuito com os seus 184 cm. O maior êxito de Redding até à data foi o segundo lugar no campeonato do mundo de 2013 na categoria Moto2, a segunda categoria mais alta do campeonato do mundo de motociclismo.

Na sequência do seu êxito no campeonato do mundo de Moto2, Redding passou para o MotoGP, a categoria rainha. Nesta categoria, escudado pela equipa Gresini e patrocinado pela Castrol, o britânico pilota uma Honda RCV1000R na categoria Open. Comparada com as motos dos preparadores, a máquina de produção da Honda está em clara desvantagem. Assim o ditam os regulamentos da categoria Open relativos aos custos. Mas isso não é um problema para Scott Redding.
O final da temporada ainda está para vir (a 9 de Novembro em Valência), mas de uma coisa temos a certeza: a primeira temporada de Redding na categoria rainha tem sido excecionalmente forte. Nas 17 corridas em que participou até agora, este alto britânico viu a bandeira axadrezada 16 vezes, 15 das quais terminou num lugar que lhe garantiu pontos. Os seus melhores resultados são dois sétimos lugares obtidos aos comandos da sua Gresini Honda alimentada por Castrol Power1 logo na sua estreia em Doha (Qatar) e outro há algumas semanas em Phillip Island (Austrália).
Fruto da sua consistência, a uma corrida do final desta temporada, Redding está no 12.º lugar da geral logo atrás do seu experiente colega de equipa Álvaro Bautista que pilota uma Honda RC213V pela equipa Gresini. Com os seus 75 pontos faturados até agora no campeonato, Redding, entre os quatro pilotos Honda Open, é o mais bem posicionado - isto apesar de ser estreante. Porém, este feito não surpreende os mais atentos, pois afinal de contas o britânico teve uma ascensão meteórica.

Quando Redding obteve a sua primeira vitória num Grande Prémio na categoria mais baixa do campeonato mundial de motociclismo em Donington Park a 22 de Junho de 2008, à altura na categoria de 125 cc, esta era apenas a sua oitava participação em campeonatos do mundo. Mais ainda, ao triunfar em casa, este alto adolescente tornou-se no vencedor mais novo da história do campeonato mundial de motociclismo.

Quando ergueu o troféu de vencedor em frente aos seus compatriotas no público, Redding tinha apenas 15 anos e 170 dias de vida. Um dos pilotos que Redding ultrapassou em Donington foi Marc Marquez que desde então já foi campeão do mundo em MotoGP por duas vezes e que agora é uma das principais estrelas do circuito. Scott Redding está prestes a fazer com que Marquez tenha de suar novamente as estopinhas, desta feita na categoria rainha.