"Preparados para vencer" - grandes mudanças nos países que lideram o comércio automóvel mundial

O barómetro do comércio global Castrol 2015 destaca os países que estão preparados para vencer a corrida do comércio global

Os lubrificantes Castrol são utilizados em tudo o que seja «Mined, Made and Moved». A nossa presença nos setores automóvel, marítimo, produtos naturais, aeroespacial e industrial significa que temos uma visão única do comércio global. 

O Barómetro do Comércio Global Castrol (CGTB) é o mais recente dos relatórios que publicamos para monitorizar o desempenho e as perspetivas a cinco anos do comércio global, baseando-se numa previsão de padrões de comércio futuro continuamente atualizada. Descobrimos que alguns dos países que atravessam fases de crescimento mais rápido têm uma vantagem natural que as ajuda a vencer: a geografia. Estes países estão "Preparados para Vencer" e a tirar partido das suas localizações ideais perto das grandes economias com uma forte procura por aquilo que produzem.

Lamentamos, a visualização deste vídeo requer a ativação de Javascript.

A carregar o vídeo

Aguarde por favor

VEJA QUEM ESTÁ PREPARADO PARA VENCER (Inglês)

a China desafia o Japão para se tornar no terceiro maior comercializador de automóveis a nível global, com um crescimento anual previsto de 10,05% ao longo dos próximos cinco anos
O Barómetro de Comércio Automóvel Castrol não é exceção. Alguns países emergentes, como o México, estão a tornar-se cada vez mais relevantes na corrida ao comércio global. O sucesso do México pode ser atribuído à sua posição estratégica na cadeia de fornecimento emergente na região da América Latina. Com acordos de comércio livre com 44 países, o México é uma base de exportações crucial para fabricantes da Europa, China, Japão e Estados Unidos. A explosão mexicana no fabrico foi também incentivada pela sua proximidade aos EUA, baixos custos de produção e mão-de-obra qualificada. É agora o quarto maior exportador de automóveis a nível mundial.

                
De uma forma geral, o Barómetro Automóvel Castrol chama a atenção para mudanças significativas nos escalões mais altos de países comerciantes de automóveis. Muito embora a Alemanha, Estados Unidos e Japão detenham os três primeiros lugares, o resto do Top 10 tem um aspeto muito diferente, visto que houve muitas nações europeias que desapareceram da lista. Entretanto, a China desafia o Japão para se tornar no terceiro maior comercializador de automóveis a nível global, com um crescimento anual previsto de 10,05% ao longo dos próximos cinco anos - apenas a Indonésia apresenta um crescimento mais rápido.
Mas qual será o desempenho destes países noutras indústrias? Visite o portal Mined Made Moved (inglês), onde pode transferir o Barómetro do Comércio Global Castrol, resumos de tendências, gráficos e muito mais, para que possa ter uma visão geral das oportunidades do comércio global e das oportunidades de crescimento.